Sex, 20 de novembro de 2020, 13:52

Proposta da UFS é aprovada em Programa de Mestrado e Doutorado Acadêmico para Inovação MAI/DAI
A UFS foi contemplada com 11 bolsas e valor global superior a R$ 234 mil

No último dia 13 de novembro, a Universidade Federal de Sergipe, por meio da Coordenação de Inovação e Transferência de Tecnologia (Cinttec), teve proposta aprovada na Chamada CNPq Nº 12/2020 - Programa de Mestrado e Doutorado Acadêmico para Inovação MAI/DAI. O objetivo é selecionar propostas de Instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação (ICTs) com potencial para a execução do Programa de Mestrado e Doutorado Acadêmico para Inovação (MAI/DAI).

Fomentado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o Programa MAI/DAI busca fortalecer a pesquisa, o empreendedorismo e a inovação nas ICTs, por meio do envolvimento de estudantes de graduação e pós-graduação em projetos de interesse do setor empresarial, mediante parceria com empresas.

Na chamada pública, a UFS foi contemplada com 11 bolsas, sendo duas no nível mestrado, uma no nível doutorado e oito bolsas de Iniciação Tecnológica e Industrial. O valor global aprovado foi superior a R$ 234 mil entre bolsas e taxas de bancada.

Programa MAI/DAI na UFS

Diante dos números limitados de ações de políticas públicas e visando a integração entre o setor empresarial e o ambiente acadêmico, o programa MAI/DAI da UFS tem como objetivo propor ações que visam incrementar a inovação e o empreendedorismo, de forma a contribuir para o desenvolvimento tecnológico e social do Estado de Sergipe.

A proposta institucional foi concebida pela Cinttec e pela Coordenação de Pós-Graduação (COPGD), em parceria com o Programa de Pós-Graduação em Física (PPGFI), com a submissão de projetos de pesquisa que serão desenvolvidos em desenvolvidos em conjunto com duas empresas parceiras, mediante as contrapartidas financeiras previamente acordadas.

Nesse programa, os bolsistas de mestrado e doutorado desenvolverão seus projetos como estudantes regulares nos cursos de pós-graduação envolvidos, devendo ter um orientador acadêmico e um supervisor junto à empresa parceira que o projeto estará relacionado.

Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa


Notícias UFS