Qui, 08 de abril de 2021, 16:08

Força-Tarefa Covid-19 da UFS reforça testagem em 18 municípios sergipanos
A cidade de Santo Amaro das Brotas recebeu a equipe da universidade nesta quinta-feira, 08

A Força-Tarefa Covid-19 da Universidade Federal de Sergipe (UFS) deu início nesta quinta-feira, 08, ao reforço da testagem em 18 municípios sergipanos. Em parceria com o Governo do Estado e prefeituras das cidades contempladas, o projeto vai analisar o nível de infecção por covid-19 onde houve queda no número de testes realizados.

Seguindo o cronograma, o primeiro município a receber a equipe da UFS foi Santo Amaro das Brotas, distante cerca de 37 km da capital Aracaju. Foram realizados 450 testes entre RT-PCR e teste rápido.

De acordo com o coordenador da Força-Tarefa Covid-19, professor Lysandro Borges, os resultados servirão de base para Estado e municípios. “Queremos saber se há uma imunidade relativa nesses municípios e qual o grau de contaminação dessas localidades para que seja possível verificar a soroprevalência e a incidência da covid-19 em Sergipe”, explica.


Cronograma de ações segue até o mês de maio. (foto: Força-Tarefa Covid-19 da UFS)
Cronograma de ações segue até o mês de maio. (foto: Força-Tarefa Covid-19 da UFS)

As amostras colhidas serão processadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Sergipe (Lacen) e o calendário de ações tem programação até o mês de maio em Arauá, Moita Bonita, Itabaiana, Laranjeiras, Muribeca, Telha, São Domingos, Pedrinhas, São Miguel do Aleixo, Feira Nova, Tomar do Geru, Pedra Mole, Monte Alegre, Malhada dos Bois, Cumbe, Riahuelo e Santa Rosa de Lima.

“Essa parceria está fazendo a diferença em Sergipe. Além disso, precisamos continuar usando a máscara, higienizando as mãos e respeitando o distanciamento social para que possamos vencer a pandemia”, afirma Lysandro, que também é representante do Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais do Estado (Ctcae).

Etapa anterior

A etapa anterior a essa ampliação na testagem contemplou 10 municípios e constatou uma incidência do coronavírus em 22,6% da população testada. A análise foi iniciada no dia 04 de março em Pacatuba e seguiu nos municípios de Pinhão, Itaporanga D’Ajuda, Malhador, Frei Paulo, Pirambu, Amparo do São Francisco, General Maynard, Maruim e, por último, no dia 16 em São Francisco.

Dom resuls 5.405 testes cotados disponibilizados, 598 RT-PCR detectaram o vírus e outros 628 sorológicos também confirmaram a doença.

Letícia Nery

comunica@academico.ufs.br


Notícias UFS