Seg, 23 de novembro de 2020, 10:46

Liliádia Barreto, professora do DSS, é designada reitora pro tempore
Posse ocorrerá na manhã desta terça-feira, 24, às 9h

O Ministro da Educação designou a professora Liliádia da Silva Oliveira Barreto, do Departamento de Serviço Social, como reitora pro tempore da Universidade Federal de Sergipe. A portaria Nº 995 foi publicada nesta segunda, 23, no Diário Oficial da União com data de sexta-feira, 20 de novembro. A posse foi dada pelo MEC na tarde desta segunda-feira.

A nomeação acontece após o término do mandato do professor Angelo Roberto Antoniolli, ocorrido na última quarta, 18, e a não conclusão do processo de eleição da lista tríplice para reitor e vice-reitor, que havia sido enviado ao Ministério da Educação (MEC) e retornou com pedidos de esclarecimentos acerca de inquérito civil, aberto junto ao Ministério Público, para apuração de “denúncia de suposta irregularidade no processo eleitoral para escolha do reitor”.

Pro-tempore
O Decreto Nº 1.916, de 23 de maio de 1996, diz que o Presidente da República designará reitor ou vice-reitor pro tempore “quando, por qualquer motivo, estiverem vagos os cargos respectivos e não houver condições para provimento regular imediato”.

Currículo
Liliádia Barreto, 50 anos, nasceu em Nilópolis, município do Rio de Janeiro, e mora em Sergipe desde os 9 anos. Filha da casa, graduou-se em Serviço Social na Universidade Federal de Sergipe em 1993, e aqui também fez mestrado em Educação, em 2003.

É doutora em Saúde Coletiva pelo Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (IMS/UERJ) e possui especialização em Ensino na Saúde pela Fiocruz/Ministério da Saúde (2015), e em Educação e gerenciamento participativo (1997).

Atuando como docente na Graduação em Serviço Social desde 1994, quando ingressou como professora substituta, atua como Tutora Acadêmica do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde e como vice-coordenadora do Núcleo de Pesquisa e Ações para a Terceira Idade (Nupati).

Angelo Antoniolli
O professor Angelo Antoniolli, do Departamento de Fisiologia, esteve à frente da Universidade Federal de Sergipe por dois mandatos 2012-2016 e 2016-2020, e foi por duas vezes vice-reitor, nas gestões do professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, em 1996-2000 e 2000-2004.

Ascom
comunica@ufs.br

Atualizada às 23h07 do dia 23/11/2020 para incluir informação sobre a posse.


Atualizado em: Ter, 19 de janeiro de 2021, 11:30
Notícias UFS